Este Website está sendo descontinuado. Mudamos para Parstoday Portuguese
Sunday, 08 November 2015 18:23

Surata Bácara (A Vaca), versículos 134-138 (Parte 29)

Surata Bácara (A Vaca), versículos 134-138 (Parte 29)
Começamos o nosso programa com 134 versículos da surata Bácara:

 

 

 تلك أمة قد خلت لها ما كسبت ولكم ما كسبتم ولا تسألون عما كانوا يعملون

Aquela é uma nação que já passou; colherá o que mereceu e vós colhereis o que merecerdes, e não sereis responsabilizados pelo que fizeram. (Bácara: 134).

Os filhos de Israel honoravam suas gerações e suas opiniões foram assim que eles eram parceiros com motivo de valores ancestral, se perdoaram, por isso, em vez de corrigir suas ações apenas continuaram contando as obras de seus pais, este versículo ameaça eles e outros seres humanos como aos  muçulmanos que cada pessoa é responsável pela suas obras e no dia da ressurreição não vai servir nem a família e relações parentais, porque não se alegram  as boas ações que fizeram.

Amir Al Momenin, Hazrte Ali, (os cumprimentos são para ele)  em um fragmento diz: A dignidade do homem é por causa de seu grande esforço, não dos restos de seus antepassados. Neste momento, lemos o versículo 135 da surata de Bácara:

 وقالوا كونوا هودا أو نصارى تهتدوا قل بل ملة إبراهيم حنيفا وما كان من المشركين

Disseram: Sede judeus ou cristãos, que estareis bem iluminados. Responde-lhes: Qual! Seguimos o credo de Abraão, o monoteísta(46), que jamais se contou entre os idólatras. (Bácara: 135).

Os Judeus concederam assim mesmo a verdade aos cristões a  falsidade e os cristãos diziam  o contrário, de modo que cada um convida outros a aceitar suas regras e dizer que se quiser estar na vida reta tem que ser judeus ou cristãos, o Alcorão Sagrado na resposta a esta falsa monopolização diz que o caminho certo é ir em direção a Deus e devem aprender e buscar a verdade do Abraão que nunca foi idólatras. Este versículo nos ensina que o título não é importante. O que é importante é a fé e as ações,  ser judeu ou cristão não é nada exceto um nome, o que tem valor é acreditar na divindade. Neste momento, continuamos a ler o versículo 136 da surata de Bácara:

  قولوا آمنا بالله وما أنزل إلينا وما أنزل إلى إبراهيم وإسماعيل وإسحاق ويعقوب والأسباط وما أوتي موسى وعيسى وما أوتي النبيون من ربهم لا نفرق بين أحد منهم ونحن له مسلمون

 Dizei: Cremos em Deus, no que nos tem sido revelado, no que foi revelado a Abraão, a Ismael, a Isaac, a Jacó e às tribos; no que foi concedido a Moisés e a Jesus e no que foi dado aos profetas por seu Senhor; não fazemos distinção alguma entre eles, e nos submetemos a Ele. (Bácara: 136).

Na continuação deste versículo perante conflito entre judeus e cristãos sobre os seus padrões,  este versículo está dirigindo a eles e aos seguidores de outras religiões mostrando que entre os divinos profetas, não há diferença porque são todos os mensageiros de Deus e tudo o que foi revelado fazem parte de Único Deus, então qualquer pessoas deve aceitar e acreditar em todos os profetas e em o que foi revelado a eles. Os profetas divinos como os professores de uma escola cada um tem seu cargo para educar um grupo de seres humanos em um período adequado a crescimento  mental de seres humanos durante a história. Deus revelou os perfeitos livros divinos e religiões para orientar o ser humano. Neste momento, lemos o versículo 137 da surata de Bácara:

  فإن آمنوا بمثل ما آمنتم به فقد اهتدوا وإن تولوا فإنما هم في شقاق فسيكفيكهم الله وهو السميع العليم

Se crerem no que vós credes, iluminar-se-ão; se se recusarem, estarão em cisma(48). Deus ser-vos-á suficiente contra eles, e Ele é o Oniouvinte, o Sapientíssimo. (Bácara: 137).

Este versículo é dirigido aos muçulmanos e diz se os crentes de livros divinos ao contrario do egocentrismo e fanatismo racial como os muçulmanos acreditem em todos os profetas e os seus livros divinos mas também pensam como um eixo e símbolo da verdade são considerados os seguidores de religiões desviadas.

Este é o sinal do combate com a divindade e a injustiça a separação com o grupo que procuram o Deus, no final deste versículo se dá alivio aos muçulmanos que perante os truques dos inimigos da religião, o Deus é suficiente porque Ele é quem ouve todo e quem  sabe todo que  surge. Neste momento, lemos o versículo 138 da surata de Bácara:

 صبغة  ومن أحسن' ونحن له من عابدون

 Eis aqui a religião(49) de Deus! Quem melhor que Deus para designar uma religião? Somente a Ele adoramos! (Bácara: 138).

Deus é o primeiro Tintor que no início da crença tintou a alma humana com naturalidade pura, mas o homem com a divina tinta, tintou seus desejos e tentações diabólicas e secou-se aquela pura tinta em si mesmo, os fanáticos  e as tendências pessoais e de grupos são as cores que provocam a separação entre os seres humanos, como eles devem perder força todas as etnias e raças até que se limpa a tinta divina em homens, todas as cores pouco a pouco são   cores e só a cor divina é estável e forte, todos os corantes são motivados a separação, exceto a cor divina que surge unidade e fraternidade junto com a adoração do Deus Único, geralmente os seres humanos se adaptam a majoritária enquanto que a religião recomenda não adaptar-se que surja a concessão do homem.

Nós revisamos os estudos dos versículos do Alcorão Sagrado que ensinamos hoje.

1. Em lugar de apoiar os nossos antepassados e suas glórias, pensamos em nossas ações, não seja que outras pessoas se esforçam por outro mundo mas nós inclinamo-nos sobre os nossos antepassados.

2. Tem que elogiar o justo e não apenas partidárias, apenas o que prepara o homem para compreender a verdade, pior partidarismo perde de visão as debilidades de terremoto e qualidades dos outros.

3. É necessário uma profunda fé com submissão e não se pode fingir que tem fé e em outros lugares executar e submeter aos nossos desejos

 4. A melhor cor é a cor da natureza divina que Deus tem misturado e a existência do ser humana a esta, tinta uma cor forte e unidade estável e  será o motivo da amizade e da paz.

Add comment


Enlaces