Este Website está sendo descontinuado. Mudamos para Parstoday Portuguese
Friday, 25 September 2015 14:49

Uma pagina do livro de Hajj (peregrinação) 6

Uma pagina do livro de Hajj (peregrinação) 6
Neste texto aborda-se a aceitação da peregrinação de Ali Ibne Mowafagh sem ter ido à Meca.

 

A peregrinação é um rito que implica um mistério maravilhoso. Esta grande adoração destaca às vezes com um bom ato que merece a aceitação do Senhor.

Abdulah Mobarak narrou: "um ano fui a peregrinação e após realizar os atos respectivos, entrei no santuário e fiquei dormido e em sonhos vi a dois anjos do céu. Um perguntava ao outro, 'qual peregrinação será aceite?' o outro anjo respondeu: 'um homem de Damasco chamado Ali ibne Mowafagh. Ele não tem ido de peregrinação mas Deus aceitou o seu Hajj'". Abdulah quando acordou disse que tinha que ver àquele homem. Ele foi a Damasco e encontrou o paradeiro do Mowafagh, viu  uma pessoa e perguntou-lhe seu nome. Ele respondeu que se chamava Ali ibne Mowafagh. Abdulah perguntou-lhe o que estava fazendo. Mowafagh respondeu que estava a costurar, então, Abdulah lhe perguntou: "dize-me o que tens feito para que teu trabalho seja aceitado por Deus?"

Mowafagh disse: faz tempo que sonhava ir a peregrinação. Tinha juntado trezentos Dirhams e neste ano estava preparado viajar a peregrinação. Minha esposa que estava gravida, em casa sentiu cheiro de comida e me pediu um pouco  dessa comida. O cheiro vinha da casa de uma viúva, pedi-lhe um pouco da sua comida e ela me disse: faz muitos dias que não tínhamos comido, hoje tenho encontrado um animal morto e o trouxe para preparar algo para os meus filhos. Este alimento não é lícito. Quando ouvi isto me doeu muito e entendi que minha peregrinação está perto da minha casa. Dei à viúva os trezentos Dirhams que tinha poupado para viagem e disse-lhe: gaste isto para os seus filhos. Abdulah, depois de ouvir , disse: você interpretou meu sonho, e mostrou-me o correto.

Add comment


Security code
Refresh

Enlaces